Tipos de Erro no Excel

Criou uma planilha no Excel, precisou usar várias fórmulas, e elas estão dando erro? Apesar de sempre utilizarmos funções e fórmulas no Excel, é muito comum que em meio as nossas análises algumas operações deem erro dentro das suas planilhas. No artigo de hoje você vai entender a causa de cada um desses erros, analisando, de fato, onde ele está e solucionando-o. Caso prefira, você também assistir o conteúdo no vídeo abaixo:

 

 

 

Os erros no Excel são temidos por todos, né? Realizar operações com as fórmulas que queremos e elas darem errado gera uma certa frustração, não é mesmo? Isso acontece porque existem diversas situações em que uma fórmula, função ou operação dentro de uma planilha não pode ser concluída como esperado, e isso ocorre devido a alguns motivos. Esses erros são representados por códigos específicos, como #DIV/0!, #VALOR!, #N/D, #NOME?, entre outros, que são exibidos nas células onde ocorrem os problemas.

 

No post de hoje nós vamos falar sobre os erros #DIV/0!, #VALOR!, #N/D e #NOME?, o que eles são, porque eles acontecem e como podemos solucioná-los!

 

Erros no Excel

 

Os erros no Excel são discrepâncias ou falhas que ocorrem durante a execução de operações ou fórmulas dentro de uma planilha. Esses erros podem surgir de diversas maneiras, como digitação incorreta de fórmulas, referências à células que mudaram de posição ou foram excluídas, uso incorreto de funções, entre outros.

 

Quando um erro ocorre, o Excel geralmente fornece uma mensagem de erro na célula afetada, ajudando o usuário a identificar o problema. Resolver esses erros é crucial para garantir a precisão e a integridade dos dados na planilha.

 

Na planilha abaixo podemos observar diversas situações em que esses erros acontecem, e para você entender melhor, vamos explicar com base nela, observe:

 

Como você pode observar, os erros em questão estão representados por caracteres específicos e cada um deles diz respeito a um erro diferente dentro de uma função:

Atenção! É importante lembrar que esses erros são provenientes de fórmulas, funções e operações mal usadas! Caso você ainda são saiba como usar as principais funções mais cobradas dentro do Excel, clique aqui e aprenda passo a passo de como cada uma delas funciona.

 

  • #DIV/0! (Divisão por zero): Esse erro ocorre quando uma fórmula tenta dividir um número por zero. Por exemplo, “=10/0”.

 

  • #VALOR! (Valor inválido): Esse erro geralmente acontece quando inserimos um tipo de dado incompatível em uma função. Por exemplo, tentar somar texto com número, como “=A1+B1”, onde A1 se refere a um texto e B1 a um número.

 

  • #N/D (Não disponível): Ocorre quando uma fórmula procura um valor que não está disponível. Pode acontecer, por exemplo, ao procurar por um valor em uma base de dados que está vazia ou que contém um erro.

 

  • #NOME? (Nome inválido): Esse erro acontece quando o Excel não reconhece um nome usado em uma fórmula. Pode acontecer se você digitar incorretamente o nome de uma função ou se tentar usar um nome que não foi definido.

 

Vamos ver como isso acontece na prática?

 

Ao observar nossa planilha, podemos ver que na célula D5 encontramos um erro de “Divisão por zero” (#DIV/0!). Relembrando, esse erro acontece quando uma fórmula tenta dividir um número por zero.

Em nossa tabela, queremos descobrir o valor do “Ticket Médio” e, para isso, basta dividir o “Valor vendido” da célula C5 pela “Quantidade vendida” da B5.

Como podemos observar, o valor inserido na célula B5 é igual a 0, logo, é inevitável que esta função se conclua.

 

 

Para solucionar este erro, basta substituir o valor da célula igual a 0. No nosso caso, o valor da célula B5. Com a substituição feita, repare que na célula onde se encontrava o erro #DIV/0! agora está com seu cálculo concluído de maneira correta.

 

 

Mais abaixo, na célula D10, também conseguimos visualizar outro tipo de erro, o “Valor inválido” (#VALOR!). Esse erro provavelmente foi causado pela soma de um texto com um número. Para descobrirmos, vamos analisar o conteúdo dessa célula. Seguindo a mesma linha do outro erro, ainda queremos calcular o “Ticket Médio”, e para fazer isso basta dividir o “Valor vendido” da célula C10, pela “Quantidade vendida” da B10, assim como no outro.

Ao analisar a célula B10, podemos ver que nela está escrito “Zero”, logo, ela está causando uma interferência em nossa divisão, pois não podemos dividir o valor R$3.318,00 (C10) por uma palavra.

 

 

Para resolver esse problema, basta substituir o valor da célula que está igual a “Zero” (nesse caso, o valor da célula B10) pelo valor real que queremos dividir, em número.

Tendo substituído o valor, repare que na célula onde se encontrava o erro #VALOR! agora está retornando o valor correto da operação, sem apresentar um erro de execução.

 

 

Curtindo esse artigo até aqui? Para você que quer aprender ainda mais sobre erros, fórmulas, funções e operações no Excel, acesse nosso Minicurso Gratuito de Excel e aprenda muito mais sobre a ferramenta!

 

Agora vamos para a outra parte da planilha, onde podemos observar uma tabela de análise. Conseguimos ver diretamente a “Quantidade vendida” e o “Maior Ticket Médio” através da seleção da empresa.

 

 

Nesta tabela, podemos ver que mais dois erros foram gerados, o #N/D e o #NOME?.

O Erro “Não disponível” (#N/D) acontece quando uma fórmula procura um valor que não está disponível. Nesse caso, podemos observar que na célula G4 foi feita a função PROCV e, quando paramos para analisar todos os argumentos da fórmula, podemos ver que ela está 100% correta. Mas então onde está o erro?

 

 

Repare que na célula F4 está escrito “Lampadas Show”, logo, a função PROCV irá procurar a empresa equivalente a “Lampadas Show” na tabela principal.

 

Ao retornar na tabela principal, é notável que existe a empresa “Lâmpadas Show” e, ao observar novamente nossa tabela de análise, vemos que o nome da empresa está escrito errado, por isso a função está dando erro.

 

Ao corrigir o nome da empresa, adicionando o acento corretamente, repare que o PROCV funciona de forma correta e consegue nos retornar com a “Qtd Vendida”.

 

Ao lado, na célula H4, também conseguimos visualizar outro erro, o “Nome Inválido” (#NOME?). Esse erro acontece quando o Excel não reconhece um nome usado em uma fórmula.

 

Ao clicarmos no F2, podemos ver que a fórmula =MÁXIMO está sendo usada para descobrir o “Maior Ticket Médio” e, ao observá-la, conseguimos notar diretamente onde está o erro.

 

O erro #NOME?, neste caso, aconteceu porque a fórmula =MÁXIMO está escrita de forma errada, com dois “A”. Para resolver isso, basta escrevê-la novamente, da maneira correta. E pronto! Sua fórmula irá funcionar corretamente.

 

Resumo do aprendizado

 

Esses erros no Excel são muito comuns de acontecer e muitas vezes a gente não sabe analisar ao certo sua origem. Para evitá-los é necessário que você tenha muita atenção e analise bem os seus dados, evitando adicionar palavras, letras ou números errados. Isso vai tornar sua análise mais rápida e eficaz! Caso você tenha mais interesse em aprender sobre esse recurso do Excel, você também pode assistir ao vídeo completo sobre o assunto no nosso canal do Youtube:

 

 

 

Gostou do conteúdo? Dá uma olhadinha no nosso Minicurso Gratuito de Excel, onde você vai aprender a ferramenta mais querida pelos analistas de dados. Com o Excel, você se diferencia no mercado de trabalho! Vem aprender mais sobre essa ferramenta poderosa!

 

Esperamos que tenha feito sentido pra você!

 

Um abraço!

Equipe Atuar

Compartilhar

Artigos relacionados

plugins premium WordPress